Exportações alemãs caem em julho

7 setembro 2018
© Oleksandr Prykhodko / Adobe Stock
© Oleksandr Prykhodko / Adobe Stock

As exportações alemãs e a produção industrial inesperadamente caíram em julho, em um novo sinal de que os fabricantes da maior economia da Europa estão sofrendo com as políticas comerciais protecionistas do presidente norte-americano Donald Trump.

O Escritório Federal de Estatísticas divulgou na sexta-feira que as exportações dessazonalizadas caíram 0,9% no mês, enquanto as importações subiram 2,8%. Uma pesquisa da Reuters apontou um aumento de 0,2 por cento em ambos.

O superávit comercial dessazonalizado diminuiu para 15,8 bilhões de euros (US $ 18,39 bilhões), de 19,3 bilhões em junho.

Dados separados do Ministério da Economia mostraram que a produção industrial caiu 1,1%. A previsão da Reuters foi de um aumento de 0,2 por cento.

O ministério disse que a produção industrial provavelmente recuperará o ímpeto logo após o começo do terceiro trimestre, que foi deprimido por "gargalos temporários nos registros de veículos de passeio sob o novo ciclo de direção".

"É provável que a recuperação industrial continue assim que o acúmulo de registros desaparecer", acrescentou a empresa em um comunicado.


($ 1 = 0,8593 euros)

(Reportagem de Paul Carrel e Maria Sheahan; edição de Thomas Seythal)

Categorias: Atualização do governo, Atualização do governo, Embarcações de contentores, Finança, Intermodal, Logística