Remains of Three Crew Encontrado em Maersk Honam

Por Eric Haun12 março 2018

Maersk disse que os restos de três dos quatro membros da tripulação desaparecidos foram encontrados a bordo do Maersk Honam depois que um incêndio explodiu em uma das embarcações do navio na semana passada.

A busca do quarto membro da tripulação continua a bordo, embora a busca no mar tenha sido suspensa.

"Dado o tempo passado e os danos severos do incêndio do navio, devemos concluir agora que perdemos os quatro colegas que perderam desde o incêndio a bordo da Maersk Honam, que começou em 6 de março. As quatro famílias de nossos colegas falecidos foram informado ", disse Maersk.

A bandeira de Singapura, Maersk Honam, pegou fogo na última terça-feira, a cerca de 900 milhas náuticas ao sudeste de Salalah, Omã, enquanto viaja de Cingapura para Suez.

O subcontratado de 15 000 TEU foi tripulado por 27 tripulantes, incluindo 13 da Índia, nove das Filipinas, dois cidadãos tailandeses e um cada um da Romênia, África do Sul e Reino Unido

Vinte e três tripulantes foram resgatados, mas um deles, um nacional tailandês, morreu na quarta-feira , disse Maersk.

Vinte e dois membros da tripulação receberam tratamento médico em terra, e a maioria foi liberada de hospitais. Os membros da tripulação que inicialmente receberam cuidados intensivos foram transferidos para uma ala geral e estão se recuperando bem, disse Maesrk.

Os esforços de combate a incêndios a bordo do Maersk Honam estão a progredir. Os navios de combate a incêndios especializados continuam envolvidos, com operações de salvamento lideradas por Smit Salvage e Ardent. A Maersk Line está cooperando com os salvadores e tem dois engenheiros marítimos no local trabalhando em estreita colaboração com Smit e Ardent.

A Polícia Marítima da Índia está investigando o incidente, e eles estarão entrevistando todos os membros da equipe. Uma investigação completa será conduzida para determinar a causa do incêndio e o impacto no navio e na carga.

Categorias: Acidentes, Acidentes, Embarcações, Médio Oriente, Notícia, SatCom, Segurança marítima